Novo ano, nova Vibração!

Normalmente, quando iniciamos um novo ano, pensamos logo em definir novos objectivos; largar certas coisas e redefinir outras.
Sendo também uma Coach, logicamente tudo isto faz sentido; é positivo e motivador!
No entanto, cada vez mais me apercebo
que criar objectivos e redefinir coisas por si só, não chega .

Com o avanço da ciência e da física quântica, nota-se a olhos vistos um crescente aumento de provas que tudo é energia: em vários estados vibracionais. As nossas crenças; pensamentos; emoções e mesmo a matéria, têm vários níveis de frequência energética que irão por si só atrair a sua ressonância equivalente.

Com isto proponho-lhe uma reflexão acerca dos objectivos que irá definir.
Pense:
– Estes
objectivos estão em harmonia e alinhados com as minhas necessidades primordiais?
– Será que o que desejo é o que
realmente preciso?
– Como é ver esses objectivos através dos
olhos do coração?
– Quais as
verdadeiras intenções por detrás desses objectivos?
– Onde
tenciono chegar com isso?

Respondendo a estas questões, permita-se parar e fazer um pequeno ajuste entre o que quer fora (desejos) e o que quer dentro (necessidades ou desejos da alma).
Ao criar paz e harmonia dentro de si, irá criar uma vibração magnética mais poderosa, podendo assim realizar os seus desejos
não por esforço, sacrifício ou desgaste, mas simplesmente por estar em ressonância com o seu coração, criando fluidez na sua vida.
Cada vez mais se sabe que
o campo electromagnético do coração é muito mais forte que o dos pensamentos e que são os nossos sentimentos e emoções que atraem e repelem a realidade desejada.

Já alguma vez pensou porque é que certos desejos, por mais que lhes coloquemos energia não se realizam?
Já alguma vez reflectiu porque é que existem pessoas que conseguem certas coisas muitas vezes sem esforço, disciplina ou mesmo divulgação,
parecendo que tudo lhes cai no prato?
Pois é, é neste sentido que a nossa frequência energética se torna a chave para estas questões. Tudo tem a ver com a vibração que se emana e não tanto com o esforço e investimento de trabalho.

Antes de avançarmos, convido-a/o a rever uma situação sua e a observar este facto:
Por exemplo:
Desejou muito uma relação com um certo nível, valores e harmonia, mas no fundo, no fundo…sentia que nunca ía ser possível ou jamais você merecia tal relação.

Desejou muito uma posição profissional ou mesmo criar algo seu, mas no fundo, no fundo, sentia que se calhar não era capaz ou então tinha pânico de errar. Ou então pensou: “Nunca serei digno de…Nunca estarei à altura de…”

Com estas emoções de dúvida; medo; insegurança e falta de valor, é que irá manifestar a sua realidade e logo, criará na sua vida alguma situação ou pessoa que vá justificar estas crenças e consequentemente emoções.

Para que isto não aconteça, existem algumas linhas de orientação a serem consideradas:

1- Alinhar necessidades com os meus desejos, pondo sempre o meu sentir em primeiro lugar.
2 –
Não criar resistência ao que é, desactivando emoções de raiva, frustração, ressentimento, inveja e outras emoções similares, pois tudo o que se resiste persiste.
3 –
Criar sínteses na sua vida, simplificando e criando espaço para uma maior clareza e circulação de energia em todos os sentidos.
4 –
Ganhar certezas do que se acredita e se quer. Isto é, se eu quero iniciar um projecto; ir para algum lado ou atrair um certo tipo de relação, preciso de ter a certeza que é possível; que sou capaz e principalmente…Que mereço!
Se algum destes factores falha, possivelmente o seu objectivo irá sempre “atrasar-se” ou mesmo acabar por não se realizar.
5 –
Desenvolver rotinas saudáveis que mantenham a sua vibração alta, como por exemplo: uma boa alimentação; exercício físico; ambiente puro e tranquilo; meditação; contacto com a natureza e companhias que estejam na mesma vibração energética.
6 –
Definir fontes de inspiração através de encontros com pessoas inspiradoras; lugares revitalizantes; livros; filmes; músicas e claro, pedir e ter orientação divina.

De que está à espera?
Torne-se, HOJE, responsável pela sua própria vibração!

By | 2016-01-02T23:04:35+00:00 2 Janeiro, 2016|Inner Coaching|0 Comments

Leave A Comment

17 − twelve =